7 Dicas para Criar Textos Poderosos e Gerar Conexões Fortes

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você, com certeza, já sabe que os textos representam papel importante dentro das estratégias de marketing digital.

Seja para alimentar blogs, redes sociais ou para elaborar poderosas cartas de vendas, roteiro de vídeos, dentre outras peças, criar bons textos é e sempre será aquela cartada mestra que pode lhe ajudar a elevar os resultados do seu negócio.

O grande problema é que nem todo mundo tem habilidade com essa tarefa, outros também não possuem verba financeira para contratar um bom escritor.

Há também pessoas que até tem talento para escrever, mas por ser uma constante, sofre de brancos e apagões de criatividade que diminuem a qualidade da produção.

  • E agora? O que fazer nessa situação?

Se você está com problemas para criar textos poderosos, daqueles que têm o poder de gerar conexões fortes, esse conteúdo é para você.

Nós, do Mestre do Adwords, separamos 7 dicas infalíveis que vão lhe ajudar a tirar de letra essa tarefa.

Vem com a gente!

 

Criar Textos Poderosos e Gerar Conexões Fortes

 

1ª Dica – Estude o Seu Público Alvo com Regularidade

Há um erro muito comum entre os produtores de conteúdo, especialmente, quem escreve textos. Que é não estudar o público alvo ao qual o material se destina.

Na verdade o erro está em não estudar o público com uma certa regularidade.

É preciso entender que independente do alvo, nós estamos lidando com pessoas, que mudam de comportamento com o tempo, com influências do dia a dia, e, portanto, têm necessidades diferentes, desejos contrastantes.

E, claro, você sabe que os melhores textos são aqueles que conversam com as dores do público, que oferece soluções, que ajuda o público de alguma forma. Certo?

Por isso, para criar textos poderosos e gerar conexões fortes, a primeira coisa que você precisa fazer é estudar o seu público alvo com certa regularidade.

Dessa forma você conseguirá oferecer conteúdos mais atuais e compatíveis com o momento que aquelas pessoas estão vivendo.

2ª Dica – Escolha Palavras-Chave e Defina os Títulos

O segundo passo para criar textos poderosos começa na escolha das palavras-chave.

Obviamente, elas devem ser condizentes com o estudo do público alvo que você realizou no passo anterior.

Ao verificar as dores e desejos vividos pelos seus potenciais clientes, trabalhe para escolher palavras-chave de qualidade dentro desse cenário.

Esses termos também lhe darão uma direção mais acertada na definição do tema e do estilo do texto. Se ele entregará dicas, passo a passo ou dará uma notícia, por exemplo.

Após isso, chegou um dos momentos mais importantes e, muitas vezes, pouco valorizados pelos escritores: A criação dos títulos.

Os títulos, quase sempre, são os responsáveis por estabelecer o primeiro contato entre o material e seu público e, por isso, eles precisam ser claros e impactantes. Tendo a capacidade de primeiro atrair e depois gerar o desejo no alvo de querer saber mais.

3ª Dica – Inicie o Conteúdo Gerando Conexões com o Leitor

 

Gerar Conexões Fortes

 

Sem dúvidas, até os escritores mais experientes já tiveram problemas para iniciar um texto de forma mais adequada.

É que esse é um dos passos mais difíceis de dar nessa tarefa, mas não se preocupe, pois nós vamos lhe ajudar.

O início do texto, a abertura dele, é muito importante, pois, geralmente, será naquele trecho que o alvo vai definir se continua ou não até o final.

Então, o mais indicado é que você comece o conteúdo gerando conexões com o leitor.

A pergunta que não deve sair da sua mente agora é:

  • “Como?”.

Tudo o que você precisa é captar a atenção, o interesse e talvez a curiosidade de continuar.

Para tal, você deve começar seu texto mexendo com a dor ou o desejo do leitor, mostrando que você entende do que se propôs a escrever e, sobretudo, que conhece profundamente quais são as dificuldades dele para chegar à solução tão procurada.

Converse com o leitor. Faça perguntas a ele, sem dúvidas, se forem pertinentes, ele responderá a si mesmo do outro lado da tela e continuará lendo.

Sempre trate o alvo como um ser individual, desenvolvendo o texto de pessoa para pessoa. Isso automaticamente fará com que ele se conecte mais facilmente.

4ª Dica – Apresente a Sua Solução

Ainda na “introdução” do texto, quase ao final dela, você deve apresentar ao leitor a sua solução.

É, claro, ela precisa ser poderosa, algo diferente do que já existe, pelo menos, apresentada de forma mais interessante.

Mostre ao alvo algumas pistas sobre o que ele encontrará no desenvolvimento do conteúdo.

Entregue o seu segredo quanto a solução. Finalize chamando-o para conhecer tudo em detalhes.

É imprescindível que você tome cuidado para não prometer demais e acabar sendo visto com desconfiança pelo leitor a ponto dele desistir e ir embora.

Estude a melhor maneira de garantir que a sua promessa será cumprida. Uma boa forma de fazer isso é deixando claro qual é o tipo de solução, se é uma dica aplicada em seu negócio, um segredo que pode ser identificado em determinados projetos, enfim…

5ª Dica – Entregue o Que Prometeu

Agora que o leitor já aceitou estar com você, já ultrapassou a barreira da fase de abertura, chegou a hora de entregar o que foi lhe prometido.

Não esqueça de que esse texto precisa ser bem dividido, claro e objetivo. Sem enrolações ou espaço para confusões de interpretação.

Prefira parágrafos de, no máximo, 4 linhas. Frases mais curtas e divisão em títulos que deixem o texto dividido em blocos com boa leitura visual.

Os subtítulos precisam apontar o que você dirá no desenvolvimento dele, isso facilita a leitura e a deixa menos cansativa. Inclusive, dá a possibilidade do leitor ir à parte do conteúdo que mais lhe interessa.

6ª Dica – Se Despeça e Convide o Leitor à Voltar

 

Criar-Textos-Poderosos

 

Depois de fazer as considerações finais chegou a hora de se despedir do seu leitor, mas em uma relação próxima de conexão forte é importante fazer mais do que isso.

É necessário convidar o leitor a voltar, dar sua opinião e até mesmo indicar a ele outros materiais que podem lhe ser úteis.

Esse simples gesto faz com que o usuário se sinta mais próximo de você, além de aumentar as chances de que ele interaja, continue por mais tempo consumindo seus materiais, dentre outras ações que são interessantes para seus resultados.

7ª Dica – Escolha Imagens de Valor

A última dica não diz respeito a produção do texto necessariamente, mas é extremamente importante para o resultado final.

Muitos escritores deixam a escolha das imagens em segundo plano, mas esse é um erro terrível. Já que elas são um complemento muito enriquecedor para a experiência do usuário no entendimento do texto.

Por isso, ao terminar de escrever, separe um tempo para escolher imagens de valor para o seu conteúdo.

As fotos deverão complementar visualmente o que está escrito, traduzindo e até aprofundando o texto.

 

Pronto! Agora você já tem todas as dicas que precisa para criar textos poderosos e gerar conexões fortes.

Óbvio, não se esqueça de usar a linguagem do seu público e, claro, revisar o texto para que ele não contenha erros ortográficos, de digitação e outros.

Esperamos ter lhe ajudado. Dúvidas? Escreva para nós.

Desejamos-lhes sucesso sempre, a gente se vê!

Até a próxima.

Forte Abraço.

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

PARTICIPE DA PRÓXIMA TURMA DO CURSO MAIS COMPLETO SOBRE GOOGLE ADWORDS

Treinamento estratégico de tráfego e conversão

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo

Conteúdo Exclusivo
do Instagram