ESTRATÉGIAS AVANÇADAS

Cadastre seu e-mail para receber dicas fantásticas de Google Adwords (GRÁTIS)
Cadastre seu e-mail para receber dicas fantásticas de Google Adwords (GRÁTIS)

2 Erros que você não deve cometer ao fazer link building

O SEO é extremamente importante para que negócios presentes no mundo digital consigam planar por mais tempo e voar mais alto em seus setores.

A cada dia que passa, novas estratégias surgem, dando melhores possibilidades de marcas firmarem seus lugares e alcançarem seus clientes.

Só que em paralelo à isso, ainda há técnicas que continuam fazendo sucesso e trazendo resultados tão bem ou até mais de quando surgiram.

Esse é o caso do Link Building. É claro, nada funciona como um milagre, é preciso muito conhecimento, dedicação e empenho para fazer dar certo.

Se você está pensando em fazer link Building, mas não sabe exatamente a melhor maneira de aplicá-lo, esse conteúdo é para você.

Nós, do Mestre do Adwords, resolvemos criar esse conteúdo no intuito de lhe entregar informações sobre 2 erros que você não deve cometer ao fazer link Building.

Certamente, isso lhe dará uma boa noção de qual caminho seguir para fazer dar certo de verdade.

Vem com a gente?

 

link-building

 

#Link Building – O que é?

Antes de qualquer coisa, é muito importante que você saiba o que é o Link Building, pois desse modo, você não corre o risco de cometer erros graves por equívocos no entendimento básico da técnica.

Bem, tendo surgido há um bom tempo, o Link Building vem evoluindo ao longo do desenvolvimento do marketing digital.

E essa característica é o que, talvez, mais cause problema com quem se interessa por essa arte.

Isso porque o que antes era bem aceito, inclusive dentro das regras do Google, hoje é visto como erro grave e uma violação de premissas dos buscadores, sendo passível de punições gravíssimas.

Basicamente, o Link Building é uma técnica que visa conseguir links de sites relevantes ao seu nicho de atuação.

Apesar de muita gente tratar o link Building como uma simples troca de links entre sites por meio de parcerias, essa definição pode ser um tanto quanto perigosa.

Calma! A gente vai te explicar melhor!

No SEO, os links tem muita importância, pois na visão dos buscadores, eles podem significar o quanto um site é relevante para o usuário ou não.

Inclusive, no início do Google, há cerca de 12 anos, esse era o fator principal de ranqueamento nos resultados de buscas.

Só que naquela época, as regras eram outras. Receber links indiscriminadamente era positivo, fortalecendo seu domínio, pela quantidade de indicações.

Não precisamos lhe contar que tudo isso mudou, não é? Com o passar dos anos o Google foi ficando mais inteligente e, então, os robôs começaram a prezar mais a qualidade do que a quantidade, classificando links “forçados” como uma tentativa de trapaça.

Atualmente, é proibido comprar links de acordo com as diretrizes do Google, pois para ter relevância você deveria receber uma indicação naturalmente, pela qualidade do serviço prestado.

Caso contrário, você estará praticando o condenado Black Hat e correndo o grande risco de ser penalizado por isso.

Só para que você tenha noção do quanto os buscadores estão mais inteligentes, hoje a classificação de relevância funciona da seguinte forma:

  • Vamos imaginar que você tenha um site sobre Dieta.
  • Então por conta de uma matéria, você recebeu a indicação do blog de dietas da Globo.
  • Do outro lado, o seu concorrente está fornecendo conteúdo relevante também, mas em uma entrevista à um portal, o dono da Smart Fit indicou o site dele.

Quem você acha que terá mais relevância, você ou o seu concorrente?

Muito provavelmente o seu concorrente, pois o peso do site da Smart Fit, por ter mais links de indicação relevante, é maior que o site de dietas da Globo.

É! Os robots conseguem olhar muito mais à fundo do que quantidade, eles agora estão analisando qualidade dos links e nível de relevância de cada um dos apontamentos, como uma grande teia.

Bom, agora que você sabe verdadeiramente o que é link Building e como funciona, vamos aos dois erros que você não deve cometer.

 

estrategia-de-link-building

 

#1º Erro – Não usar a tag nofollow

Apesar de ser uma prática não aceita pelos buscadores, inclusive passível de punição como falamos acima, há quem faça parcerias com outros sites e blogs para a troca de links.

Esse é um grande problema? Não, desde que você faça corretamente.

Não tem jeito, a primeira coisa que você precisa aceitar é que compra e venda de links são proibidos segundo às diretrizes dos buscadores, pois você estaria tentando enganar os robôs para ganhar posicionamento.

Então, a melhor forma de conquistar à audiência, sem parecer que está tentando enganar o Google, é utilizar a tag nofollow no link que irá dentro do site ou blog.

Essa simples ação irá sinalizar ao buscador que você não pretende violar suas regras. Ok?

Não se esqueça disso, pois caso contrário seu site/blog estará correndo grandes riscos de ser punido gravemente, seja sofrendo rebaixamento de ranking para a página 107 ou tendo a exclusão da indexação de suas páginas de maneira geral.

#2º Erro – Não identificar publicações de link Building

Há quem acredite que publicações de link Building não têm a mesma relevância para o público, do que um conteúdo de indicação voluntária “normal”, principalmente, por ser, “aparentemente” uma propaganda paga.

Então, para solucionar essa questão, muitos removem a identificação de publicação “patrocinada”.

  • É claro que se você leu todo o conteúdo com atenção, sabe que isso é uma ação passível de punições, certo?

Não tem jeito! Comprar indicações para manipular posicionamento é errado, então uma solução é comprar espaço publicitário, mas para se utilizar desse recurso, você deve identificá-lo, pois caso contrário estaria tentando enganar o público, erro grave.

  • Certamente você já deve ter visto uma porção de sites que faz isso, não é?

A grande questão é que diversas marcas, realmente, fazem isso, sem tomar punições, mas elas estão se arriscando, brincando com a sorte.

O Google não olha para a notoriedade da página, se você infringiu regras e ele te flagrar, tomará punição. Prova disso são os enormes canais de Youtube que estão sendo processados por práticas relacionadas ao que acabamos de lhe contar.

 

Cometer-ao-fazer-Link-Building

 

Está avisado… Agora é com você!

Esperamos ter lhe ajudado. Ficou com alguma dúvida? Então deixe sua pergunta nos comentários.

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê!

Forte Abraço.

DESCUBRA OS SEGREDOS DO ADWORDS

Cadastre-se para receber novos conteúdos do meu Blog!

Mestre do Adwords © Todos os Direitos Reservados - 2015 | Desenvolvido por  Blueberry - Soluções Digitais

VOCÊ GOSTARIA DE REDUZIR EM ATÉ 70% SEUS CUSTOS NO GOOGLE ADWORDS
Preencha seus dados abaixo:
MUITO OBRIGADO!
Seu e-mail está sendo enviado, nós lhe enviaremos o link do ebook em poucos minutos.
Voltar ao blog
VOCÊ GOSTARIA DE REDUZIR EM ATÉ 70% SEUS CUSTOS NO GOOGLE ADWORDS
Preencha seus dados abaixo:
MUITO OBRIGADO!
Seu e-mail está sendo enviado, nós lhe enviaremos o link do ebook em poucos minutos.
Voltar ao blog